a
d

WE ARE BRUNN

bbbb

Let’s Work Together

Image Alt

Mapeamento e Topografia

Ortomosaico ou ortofoto: finalidades e benefícios

Ortomosaico ou ortofoto: finalidades e benefícios

Imagine que você precisa de uma foto da área onde será realizado um determinado projeto. O ideal é que esta imagem chegue com o maior número de informações possível para que a realização do trabalho seja feita de forma efetiva, e quanto menos distorções aparecerem pelo caminho, melhor será para que tudo corra da maneira correta. É nesse cenário que aparece a ortofoto, ou ortomosaico, um conceito que apresenta uma série de fotografias aéreas produzidas sem distorções, e que são unidas após passar por um geoprocessamento.
Esta ideia tem ganhado cada vez mais espaço entre os profissionais que exigem praticidade e riqueza de informações e detalhes sobre a área em que irão trabalhar. A ortofoto também se destaca pela facilidade de obtenção dos dados necessários e pela grande quantidade de informações que ela pode oferecer.

Para se definir de maneira mais simplificada, o ortomosaico é a junção de diversas fotos aéreas tiradas para obtenção de dados e informações pertinentes para o projeto. Para isto são necessários softwares que vão montar a imagem necessária e eliminar quaisquer distorções que deixarão a imagem mais clara e pronta para o prosseguimento dos trabalhos.

Finalidades da ortofoto

Atualmente o trabalho do engenheiro exige cada vez mais análise de informações, interpretação de dados e elaborações dentro do projeto em que ele está inserido. Sendo assim, é fundamental que sejam desenvolvidas ferramentas com a finalidade de auxiliar neste trabalho, tornando o projeto mais rápido, seguro e eficiente. O ortomosaico realiza justamente este suporte. Uma de suas principais finalidades é a realização destas medições feitas de maneira direta das mais variadas distâncias, ângulos e regiões.

As ortofotos são obtidas através de imagens aéreas captadas através de drones e que podem funcionar como mapas fotográficos utilizados por projetistas para realização de medições, identificação de determinados objetos e análise da organização da área capturada. A vantagem deste serviço em relação a mapas tradicionais, por exemplo, é oferta da imagem em si, e não das representações que aparecem em mapas tradicionais.

Importante ressaltar também que o ortomosaico não é uma fotografia aérea comum. As fotografias tradicionais tiradas do ar, que também são obtidas com qualidade através de drones, podem apresentar falhas, distorções e detalhes comuns a fotografias convencionais. A ortofoto livra a imagem destes detalhes, falhas de execução – que o mundo da fotografia chama de “ruídos” – e outras distorções que podem alterar ou afetar a qualidade do que foi capturado. A realidade retratada pelo ortomosaico é livre destes imprevistos, deixando a imagem mais limpa com os dados necessários para realização do serviço.

Este é um dos principais diferenciais de uma ortofoto: a qualidade da imagem final. Após todo o processo feito nas fotografias, os dados gerados fornecem riqueza de detalhes, permitindo que a análise seja feita com clareza e com menos riscos de desencontros ou imprevistos.

Como é feito um ortomosaico

A junção de diversas fotografias aéreas que formarão o ortomosaico é feita através da utilização de softwares de processamento. Estes programas fazem uso do geoprocessamento – que é o uso da tecnologia para obtenção das mais diversas informações geográficas – para oferecer a ortofoto com a qualidade que se espera.

Como foi dito, a ortofoto é feita através da obtenção de uma série de imagens aéreas do local. Os drones são os equipamentos tradicionalmente usados para a obtenção destas imagens, mas elas também podem ser feitas através de satélites ou aviões. Estes dois meios, no entanto, geralmente são usados para fotografar áreas consideravelmente maiores e, por consequência, têm um custo muito maior.

O software utilizado para se fazer um ortomosaico realiza uma análise e busca elementos em comum das fotografias que são analisadas. A partir destes cálculos, o programa realiza a junção de todas as imagens disponíveis e a transforma em uma grande figura. Podemos comparar o trabalho realizado por esta tecnologia à montagem de um quebra-cabeça muito complexo e que exige reparações na imagem montada.

Ortorretificação

As correções que são feitas nas imagens que vão gerar o ortomosaico são conhecidas como ortorretificações. Estas alterações permitem que as coordenadas da área analisada sejam mais precisas, e efeitos como perspectiva e relevos sobre a geometria da imagem sejam corrigidos. O resultado final é um produto com qualidade cartográfica de maior qualidade, mais fiel ao que se espera para realizar o trabalho na área estudada e que, por consequência, oferece melhores resultados no trabalho de engenharia a ser realizado.

O relevo é um ponto importante dentro do processo de ortorretificação. As correções a serem realizadas neste ponto são fundamentais para um trabalho bem feito e que entregue um resultado satisfatório. Isso porque o efeito do relevo no momento em que a imagem é feita distorce, naturalmente, a posição inicial dos alvos. Sendo assim, o impacto da ortorretificação nas áreas que apresentam um relevo mais acentuado é maior.

Os modelos de elevação necessários para que uma foto nestas condições seja ortorretificada ficam maiores à medida que o relevo se apresenta maior dentro da imagem.

Open chat